Futuro próximo

Após cinco meses da pandemia do novo coronavírus no Brasil, já tivemos muitos de nossos hábitos modificados e adequados à nova realidade. Agora, é tempo de nos questionarmos sobre quais deles ainda permanecerão em nossas vidas, assim que tivermos a nossa liberdade total de volta. Com certeza, muitos dos velhos hábitos serão reincorporados ao nosso cotidiano, mas também manteremos definitivamente alguns dos novos adquiridos, em virtude da pandemia.

Dentre os que permanecerão, seguramente estará a forma de nos relacionamos e fazemos negócios, principalmente no setor do Agronegócio. Isto porque mesmo que de forma não espontânea, descobrimos as facilidades que o mundo digital pode nos proporcionar. Lá é possível interagir com as pessoas, negociar, fechar contratos, comprar e vender, de praticamente qualquer lugar do mundo, via internet, sem realizar viagens longas e cansativas, sem gastar dinheiro com deslocamento, hospedagem e alimentação, economizando ainda o recurso que temos de mais precioso na vida moderna: o tempo. Mesmo quando voltarmos à “normalidade”, seremos muito mais conscientes e seletivos nas atividades externas.

Para atender esta nova realidade do mundo dos negócios, diversas plataformas e meios de interação comercial virtuais estão em pleno desenvolvimento. O setor do Agronegócio, conhecido por ter como característica marcante a grande interação física entre todos os envolvidos, por meio da realização de eventos, dias de campo, palestras e visitas, também está se adequando rapidamente a estas mudanças e se reinventando para atender seus stakeholders.

Com certeza, a experiência presencial no campo continuará sendo fundamental, como ferramenta para venda. No entanto, cada vez mais todos estarão preparados e interessados por projetos multiplataformas, que facilitem o acesso à informação de maneira clara, rápida, barata e inclusiva, por meio de ferramentas digitais.

Diante desta nova realidade que se apresenta, chegou o momento da Sakata criar novos híbridos, mas desta vez não com o cruzamento genético de duas linhas puras, mas por meio da complementariedade do campo físico com a plataforma digital, apresentando um evento de  campo completamente inovador e diferenciado  de tudo que já foi apresentado pela companhia até o momento. Que venha o Sakata iField!

Boa leitura!

Paulo Koch, Diretor de Marketing da Sakata Seed Sudamerica

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.